.....

Pará/Brasil

terça-feira, 16 de agosto de 2011

A Cidade de Redenção pede socorro!!!



Como é de praxe de muitos administradores municipais, a culpa da inoperância administrativa, vez sim, vez também, recai sobre as permanentes chuvas.
Debruçando-se sobre esse argumento, muitos prefeitos, despreparados por natureza, acreditam que recebem o perdão popular durante os seis meses do inverno paraense.
Durante o período chuvoso, pão e vinho são distribuídos à plebe numa tentativa de acalmá-la.
O grande problema é que, ao findar as chuvas, a inércia continua igualmente como dantes, sem que uma molécula seja movida para mudar a triste realidade do município.
Em Redenção, sul do Pará, a realidade é justamente essa. Inércia administrativa total.
Cansados de esperar pelo poder público municipal, moradores reúnem-se e com recursos próprios passam a fazer a parte que deveria ser da prefeitura.

As fotos acima servem como exemplo do que fora dito acima e demonstram a angústia popular pela qual passa a população de Redenção.

Um comentário:

Anônimo disse...

Bateu pesado nessa mens via blog ao CADAFFI REDENÇÃOO.KKKKKKK