.....

Pará/Brasil

segunda-feira, 26 de março de 2012

Bannach: Procuradoria Regional Eleitoral manifesta-se pela procedência da ação de perda de mandato eletivo em desfavor do Vereador Carlinho do Povo (ex-PTB) por infidelidade partidária

Vereador Carlinho do Povo (PMDB)



Pois bem amigas e amigos do Café com Política, em Bannach, o Vereador José Carlos Carvalho de Oliveira, conhecido como Carlinho do Povo, foi eleito pelo Partido Trabalhista Brasileiro – PTB, com o nº 14.662, e obteve 106 votos, sendo o quarto mais votado, de um total de 1.592 votos válidos nas Eleições 2008.

O PTB, além da cadeira conquistada na Câmara Municipal, elegeu o vice-prefeito da Cidade, Senhor José Antônio de Souza, popularmente conhecido como Zé Antônio, na chapa que possuía como candidato a prefeito o Senhor Valbetânio Milhomem (PSB), popularmente conhecido como Valber.

Durante o mandato, por motivos desconhecidos pelo Blog, o Vereador Carlinho do Povo passou da base aliada para oposição ao Prefeito Valber, mesmo este possuindo um excelente relacionamento com o seu vice-prefeito e demais membros da legenda petebista que, inclusive, está a frente de secretarias e cargos estratégicos da administração local.

No segundo semestre de 2011, durante o período que pré-candidatos costumam movimentar-se para procurar a legenda que lhe apresenta melhor comodidade, o Vereador Carlinho tratou de assinar a ficha de filiação do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB).

Ato contínuo, o Vereador Carlinho recebeu como resposta pela sua desfiliação imotivada uma ação de perda de mandato eletivo por infidelidade partidária (Processo nº: 123608.2011.614.0000). A ação ainda está em curso junto ao Tribunal Regional Eleitoral – TRE-PA, porém, a Procuradoria Regional Eleitoral, em 15/03/2012, juntou seu parecer com os seguintes dizeres:  


                  "A Procuradoria Regional Eleitoral manifesta-se pela procedência da ação, 
                   uma vez que houve desfiliação partidária sem justa causa."


São as Eleições 2012 a todo vapor.


Nenhum comentário: