.....

Pará/Brasil

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Qual a sua ditadura? (parte III)




Diversas vezes o Blog presenciou alguns agentes políticos recebendo ligações para ajudar alguém que se encontrava à beira da morte e a família encontrava-se desesperada, pois não conseguia um leito vazio de hospital público.

A saúde pública no Brasil é caso de polícia, ou melhor, o descaso com a saúde pública no Brasil é caso de polícia.

É caso de polícia também o descaso com a educação de qualidade, o descaso com a segurança pública, o emperramento da máquina judiciária, é caso de polícia a baixíssima remuneração dos heroicos e aguerridos professores brasileiro...



                                                                                                                  
O povo brasileiro já mostrou que sabe o que quer e provou, na prática, que sabe engrossar a voz com seus “dirigentes políticos” quando é preciso.

Assim sendo, fazendo um paralelo com o período tenebroso do Regime Militar e com o recente impeachment presenciado pela nação brasileira, pergunta-se: será que o povo brasileiro não mais possui uma ditadura para combater, ou melhor, algumas ditaduras para combater, porém, agora, com outra roupagem?



sábado, 23 de junho de 2012

Qual a sua ditadura? (parte II)

Garota se recusa a cumprimentar o presidente Figueiredo
em plena Ditadura Militar


... Recentemente - a título de exemplo - o Blog presenciou a seguinte cena em uma determinada rua de Santana do Araguaia, extremo sul do Pará: aproximadamente 15 jovens, entre 14 e 25 anos, por volta das 21h, em três grupos diferentes de amigos, ocupavam a mesa de uma pizzaria, passeavam de moto e o outro grupo voltava de uma igreja evangélica. Até aí tudo normal.

Ao observar a cena, o Blog indagou uma moradora sobre a situação dos ensinos médio e superior no Município e obteve a resposta de que ali só havia uma única escola de ensino médio e um único instituto de ensino superior.




Educação é tudo



Detalhe, a única escola de ensino médio encontra-se no centro da cidade, ou seja, em um Município que possui uma vasta zona rural, onde o transporte público é completamente ineficiente (praticamente inexistente), onde a distância entre a zona rural e o centro da cidade é enorme, com toda certeza, não há motivação suficiente para que esses jovens possam concluir, sequer, o ensino médio, muito menos concluir um ensino superior.

Pois bem, a ideia do Blog não é fazer (unicamente) uma crítica sobre a inexistência de escolas de ensino médio em Santana do Araguaia, mas tentar despertar o interesse de membros da sociedade, da sociedade civil organizada, para a necessidade de maior participação política.

---continua---




domingo, 17 de junho de 2012

Qual a sua ditadura? (parte I)



Amigas e amigos do Café com Política, não faz muito tempo que nós, brasileiros, conseguimos derrubar uma forte ditadura que arrasava o País e inviabilizava um futuro próspero aos nacionais.

À época, os guerreiros brasileiros foram às ruas e, sob uma repressão fortíssima que incluía torturas e mortes, conseguiram deitar ao chão o bicho papão da Ditadura Militar.







A Ditadura Militar passou e os brasileiros estão aprendendo a viver num verdadeiro Estado Democrático de Direito, como jamais viveram. Mas o Blog pergunta: será que o povo brasileiro não mais possui uma “ditadura” a combater? Será que todos os heróis morreram mesmo de overdose?

Atualmente, os aberrantes acontecimentos políticos, diariamente televisionados, conseguem uma pequena atenção dos telespectadores apenas durante o período em que o jornal está no ar. Nada mais. Salvo raras exceções, a sociedade civil não consegue se organizar para defender seus próprios interesses.

Música como “eu quero tchu, eu quero tcha” faz muito (põe muito nisso) mais sucesso do que qualquer Projeto de Lei destinado à melhoria da educação de nossas crianças e jovens. Aliás, divulgar um PL desse tipo não dá audiência nos grandes telejornais, tampouco a “galera do Face” vai curtir um papo brabo desse.

----continua----



sábado, 16 de junho de 2012

Eleições 2012: a reeleição, a caneta e o chicote



Pois bem, amigas e amigos do Café com Política, para quem não sabe, tem prefeito que já mandou buscar um moderno chicote para iniciar um sonhado segundo mandato em alto estilo.






O alcaide não está segurando a ansiedade para trocar definitivamente a caneta pelo chicote e mostrar ao povo e aos adversários políticos seu desejo incontrolável em transformar a cidade que “desaministra” em Roma e, posteriormente, incendiá-la, como fez Nero, o Imperador.





terça-feira, 12 de junho de 2012

Blog na ativa



Olá, amigas e amigos do Café com Política, feliz dia dos namorados para todos os cafeinados de plantão que acompanharam o Blog durante todos esses dias de ausência, muito obrigado pela visitação de cada um de vocês, muito obrigado mesmo. Tenham certeza que vocês são a razão da existência deste humilde espaço.

Antes de qualquer coisa, o Café gostaria de deixar bem claro, mas bem claro mesmo, que nunca, jamais, em hipótese alguma se vendeu para quem quer que seja, adquiriu algum carro de presente, recebeu dinheiro, ou foi amedrontado por alguma suposta e estúpida ação para ficar calado, sem poder bater esse prazeroso papo com vocês.

Dinheiro nenhum deste mundo cala o Blog ou corrompe seus princípios e conceitos. A questão é simples de entender, pois como bem disse o filósofo: “amigo é amigo e filho da puta é filho da puta” (perdoem-me o palavreado inadequado, mas não deu para segurar).

Certo mesmo, meus caros colegas, é que o Café com Política voltou e espera a visita diária de cada um de vocês ;)