.....

Pará/Brasil

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Mais do mesmo: sem participação da população no meio político-partidário nada mudará

Frases das manifestações: "Não adianta você se manifestar como um leão em 2013
e votar como um jumento em 2014"


Visualizando os criativos cartazes que os manifestantes de todo Brasil levam às ruas nesses dias em que o Brasil está se redescobrindo, o Café identificou uma, relacionada à imagem acima, que dizia o seguinte:

“Não adianta você se manifestar como um leão em 2013 e votar como um jumento em 2014.”

Pois bem, em que pese a inteligência do raciocínio acima, o Blog manifesta-se no seguinte sentido: não há muito o que esperar dos novos representantes brasileiros, com o resultado das eleições 2014, caso a sociedade brasileira não passe a dedicar-se à vida político-partidária, incluindo neste pensamento a pré-disposição de candidatar-se a cargos eletivos.

Em outras palavras, é mais ou menos o seguinte: a política brasileira só tomará novos rumos com novos agentes, com agentes realmente comprometidos em atuar em prol de mudanças profundas. Assim sendo, para que os eleitores não continuem votando como jumentos é preciso que tenham boas opções, boas opções de nomes e que estes candidatos tenham paridades de armas, ou seja, que os candidatos tenham as mesmas condições de se mostrarem ao eleitorado, radicalmente diferente do que ocorre nos dias atuais, onde os mais poderosos conseguem sobrepor suas “propostas” sobre aqueles menos favorecidos economicamente.





Desta forma, não há como imaginar que os caciques partidários irão mover uma única molécula em suas estruturas partidárias para apresentar à sociedade/eleitores uma nova roupagem na forma de apresentar os candidatos, é preciso que a sociedade faça igualmente está fazendo hoje em dia nas manifestações, invadindo as fileiras de filiados dos partidos políticos e candidatando-se aos cargos eletivos. Caso contrário, teremos sempre mais do mesmo. 




Nenhum comentário: