.....

Pará/Brasil

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

BR 158: estrada que liga Redenção à Santana do Araguaia continua em situação precária e a culpa é do povo

Ponte que liga Redenção à Santana do Araguaia (Sul do Pará - Brasil)

Pois bem, amigas e amigos do Café com Política, a inoperância dos parlamentares federais paraenses, somada com a incompetência da presidentuça Dilma Lula Rousseff, são repugnantes.


Presidentuça Dilma Lula Rousseff

Entra ano e sai ano e a BR-158, que liga Redenção à Santana do Araguaia, oscila sua trafegabilidade de ruim a péssimo e os parlamentares paraenses nada fazem para mudar tal realidade.

É inacreditável a falta de sensibilidade política da bancada paraense. Cada lado, oposição e base aliada, defende veementemente suas estratégias políticas e esquecem completamente que existe uma sociedade a representar.


Ponte que liga Redenção à Santana do Araguaia (Sul do Pará - Brasil)

Uma bancada que, por si só, é minúscula (17 parlamentares) e sem expressão política no âmbito nacional, reduz-se à insignificância ao não conseguir deixar de lado as farpas políticas para dedicar-se à uma agenda mínima de interesse da sociedade paraense.

É lamentável saber que o egocentrismo praticado por cada parlamentar que hoje exerce o cargo de deputado federal pelo Pará pouco mudará no pleito eleitoral de 2014, pois, mesmo que algumas peças sejam alteradas, dificilmente teremos mudanças substanciais nos nomes que serão apresentados ao eleitorado papa-chibé. Quando muito, trocaremos seis por meia dúzia, salvo, talvez, raras exceções.

A afirmativa acima se dá em decorrência da ausência dos bons do meio político-partidário. Os revoltosos de junho dificilmente irão procurar um partido político para promover suas filiações com o objetivo de pleitear um mandato nas Eleições 2014. Logo, podemos esperar mais do mesmo.



Ponte que liga Redenção à Santana do Araguaia (Sul do Pará - Brasil)


O Café precisou fazer, no último final de semana, os trajetos Parauapebas-Redenção e Redenção-Santana do Araguaia. Desde o momento que o blog passou de Eldorado do Carajás, a presidentuça Dilma não saiu da cabeça, tampouco era esquecida em todas as doces e suaves frases externadas a cada buraco que o veículo não conseguia desviar.

Viajar pelo sul do Pará é uma terapia ímpar na vida de um cidadão. Viajar pelo sul do Pará é ter a certeza que nunca antes na história deste país um povo foi tão humilhado, tão achincalhado, tão ignorado.

Viajar pelo sul do Pará é ter a certeza que vivemos pra lá de onde o vento faz a curva, léguas e mais léguas de onde Judas perdeu as botas e duas esquinas depois do fim do mundo. Aqui, no sul do Pará, sonhar com um futuro melhor é para os fracos, ou para os desiludidos. Quem for podre que se quebre, é a regra. Dane-se o resto. Simples assim.


Ponte que liga Redenção à Santana do Araguaia (Sul do Pará - Brasil)


O texto que o Café produziu nesta postagem pouco falou das pontes assassinas que foram apresentas pelas fotos, porém, quais palavras poderão traduzir as eternas imagens deploráveis que teimam em fazer parte da bela paisagem do sul do Pará?

Ano que vem o povo será obrigado a voltar às urnas para escolher o presidente da República, governador, senador, deputados federais e deputados estaduais. Logo, caro amigo cafeinado, reflita muito sobre seu voto, pois apesar de você não ter um número considerável de boas alternativas, sua escolha será decisiva para a manutenção desta triste situação.

É por isso que o Café com Política defende a NÃO REELEIÇÃO de todos os deputados federais do Pará.



Nenhum comentário: