.....

Pará/Brasil

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Outdoor e os políticos: uma relação umbilical

Deputado Priante (PMDB) é "homenageado"
com outdoor na entrada de Parauapebas

Divulgar a própria imagem ressaltando as características ou ações políticas é inerente de qualquer político que almeja cargo eletivo, isso é fato. Com as redes sociais a todo vapor, os agentes políticos ganharam uma valiosa ferramenta de trabalho. Porém, de outro lado, também passaram a receber mais cobranças daqueles que lhe outorgaram o poder.

Dentre os brinquedinhos mais utilizados pelos políticos para levar aos eleitores sua imagem está o outdoor. Esta peça publicitária é o preferido em 10, de cada 10 políticos. Ocorre que, vez sim, vez também, alguns desses sabichões são pegos pelo pé, ou melhor, pelo bolso.

É que a legislação eleitoral proíbe a propaganda eleitoral por meio de outdoor e a violação sujeita o responsável à multa no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) a 25.000,00 (vinte e cinco mil reais), nos termos do art. 36, §§ 1º e 3º, da Lei das Eleições. Porém, aquele que ignora tal dispositivo, mesmo sabendo do risco da multa, o faz por acreditar que esta, quase sempre não aplicada no seu valor máximo, é menor que o resultado político obtido.

Em outras palavras, vale mais a pena correr o risco de levar a multa e deixar sua imagem no subconsciente do eleitorado do que permanecer com esse dinheiro (da multa) no bolso e continuar no esquecimento do eleitor, dada a inércia política do agente em prol daquela região ou localidade.

Para fazer o texto ter relação com a imagem acima, o deputado Priante (PMDB), que já possui inúmeros processos na Justiça Eleitoral por conta de propaganda eleitoral extemporânea, recentemente colocou na entrada da cidade de Parauapebas essa peça publicitária que, provavelmente, está espalhada pelos quatro cantos do Estado, pois deve ter muitos amigos que tiveram a mesma ideia na hora de prestar-lhe homenagem.

Nenhum comentário: